Como cuidar do Umbigo do Recém-Nascido

Oi Gente,

Desde a gestação surgem inúmeras dúvidas. Uma delas é de como higienizar corretamente o coto umbilical (O Pedacinho que sobra do cordão umbilical quando é cortado) do bebê, para que caia o mais rápido possível…

Dá um certo medo, nojo (Eu tive nojo. Rsssss Vocês não?), insegurança… Rssss (Sim, nojo sim! Já viu como é? Quem já limpou alguma vez na vida, e corretamente, sabe do que estou falando. Hahaha)

Enfim! Mas como fazer tudo isto da melhor forma?

Vou contar sobre a minha experiência pra vocês…

Quando estávamos grávidos (Eu e Marido), e consultamos o pediatra do parto antes da data marcada, questionei ele sobre este assunto (Além de vários outros). Afinal, como higienizar o umbigo?

Mãe de primeira viagem, sem bagagem alguma… E a dificuldade que tive, era a falta de paciência da parte de alguns pediatras para me acolher, explicar, ensinar com calma tudo o que precisava saber sobre este novo mundo! O qual era realmente tudo muito novo para mim.

Alguns eu questionava não somente sobre este assunto, como também sobre várias dúvidas e aflições que eu tinha, e eles simplesmente respondiam: Sim. Ou Não. Sentia que faltava algo a mais… Mais informações! E ali não encontrava. Com os médicos, apenas algumas informações teóricas, que me faziam sentir um enorme vazio de conhecimento sobre a prática real. E com este pediatra do parto não foi diferente!

Mas então porquê optei fazer o parto com ele? Porque ele é muito competente, um ótimo profissional! Então, depois de tantas procuras, decidi apesar de tudo fazer com ele. O importante era a saúde, e bem estar do meu filho assim que viesse ao mundo. E assim foi… Não me arrependo.

Mas, tudo isto com exceção de raros profissionais que dão um atendimento personalizado na consulta (Existem!), e te acolhem com todo o carinho que você precisa neste momento de insegurança, e sentimento de incapacidade. Raros! (Logo mais conto de uma pediatra que encontrei após o parto)

Este primeiro que consultamos, o do parto, e que foi muito teórico e superficial no atendimento das consultas…

Perguntamos: — Doutor, como limpamos o umbigo do bebê?

E ele nos respondeu: — Ah! Muito simples! Com uma gaze. Molhe bem a gaze no álcool 70% líquido, e passe por cima do umbigo. (Nada mais!)

– E fomos embora!

E então fizemos assim, mas nada de cair o coto. Passaram 3 semanas… E nada! – Apesar de a cor do coto ter mudado, virado uma casquinha escura, conforme deveria realmente acontecer.

A cicatrização estava indo bem, mas nada de cair. – Após 3 semanas, e nada???

Então, como sabia que algo ali estava errado (Por conta do tempo passado, e nada de cair a “casquinha”), marquei outra pediatra que nos ensinou em todos os detalhes de como fazer corretamente este procedimento. Ufaaaaaa!

Me senti a partir daí, acolhida, abraçada, amparada! Que diferença!

Foi muito atenciosa, e por isto vamos até hoje consultar com ela.

Pegou o Daniel, agarrou um cotonete com álcool 70%, e fez ela mesma tudo ali durante a consulta com a nossa presença. Para que pudéssemos compreender com facilidade tudo, assistindo.

Não somente uma mãe de primeira viagem, como todas as mães, os pais, quando buscam um profissional, buscam segurança para suas aflições, respostas para suas dúvidas, conhecimento aprofundado do que se passa, buscam se sentir seguros a respeito de tudo o que acontece ou pode acontecer com seu filho no dia a dia.

O Profissional precisa ter paciência, carinho, dar atenção, estar ali presente de corpo e alma em seu trabalho para dar todo o amor necessário.

Quem escolhe trabalhar com a Pediatria, como qualquer outra área da medicina, precisa saber disso.

Olhar nos olhos do paciente, e estar presente como disse, de corpo e alma nos atendimentos.

Ali não vão apenas “mini pacientes”, e sim, os adultos aflitos que os levam e precisam receber todo o apoio para fora dali, saberem lhe dar com as situações do cotidiano com esta novidade em suas vidas. Precisam passar mais segurança e atenção aos pais! De fato.

Mas como disse, graças a Deus, existem raras exceções! E ótimos profissionais! A pediatra do Daniel é uma delas!

O Passo a Passo para a Higienização Correta é assim (Explicação recebida pela Pediatra do Daniel):

1- Utilize cotonete ao invés de gaze (O cotone alcançará áreas em que a gaze não conseguirá. Fazendo uma limpeza completa da região);

2- Utilize álcool 70% líquido (Não Gel);

3- Molhe bem o cotonete no álcool, e passe ao redor da região primeiramente (na base), em seguida por cima de todo o coto umbilical;

 

Untitled-1

4- E após, levante a casquinha, e por baixo dela passe o cotonete para retirar as impurezas (Sairá bastante sujeira na cor marrom ou preta, podendo sair alguma sujeirinha de sangue também. Pouco!), passe por baixo desta casca morta, sempre deixando o cotonete encharcado mesmo (bastante álcool, capriche!).

Levante a “casca” SEM MEDO. Não se preocupe! Pois NÃO DÓI para o bebê. Algumas vezes ele chora porque o álcool é gelado, e por estar assustado com isto. Mas não dói nada! Não tenha medo.

22

Obs: Confesso que mesmo sabendo que não dói, mesmo assim eu sentia receio para fazer esta parte. Levante com cuidado, sem medo, não precisa levantar tanto assim, e higienize com álcool sempre. Você encontrará o seu jeitinho, da melhor forma que ficará para você e seu bebê.

5- Pronto! Vista fralda e a roupa em seguida.

Obs: Acabei não tirando foto da limpeza do coto umbilical do Daniel, então, as imagens acima consegui em busca ao nosso amigo “google”! Achei bem claras, e mostram bem o que me refiro acima em meu texto.

Olhem esta imagem abaixo (Retirada também de uma busca no amigo “Google”), com as etapas até que caia o coto umbilical:

umbigo

Primeiro, o bebê sai da maternidade com o umbigo meio esverdeado, após tantas limpezas com álcool, ele vai escurecendo e virando uma casca preta, até que ao final do processo ele cai sozinho! CAI SOZINHO! Não arranque! E pronto.

Após cair, prossiga com a limpeza do álcool 70% até que o umbigo fique 100% cicatrizado! Pois em alguns casos, pode ser que ainda fique alguma secreção. Do Daniel não precisei prosseguir com o álcool, porque quando caiu, já estava bem cicatrizado.

COM QUAL FREQUÊNCIA LIMPAR?

O IDEAL É HIGIENIZAR A CADA TROCA DE FRALDA. Em torno de 10 vezes ao dia. Não precisa contar! A Cada troca, deve-se fazer a limpeza, e assim, tudo dará certo. Quanto mais vezes ao dia limparmos, mais rápido cairá o coto.

Importante: Caso passe um tempo,  e a cicatrização do umbigo não siga estas etapas da imagem acima, ou seja, com o tempo de limpeza não vá escurecendo se transformando em uma casca escura, ou até mesmo o coto umbilical mude para uma cor estranha, verifique com o pediatra se está tudo bem, se há algo de errado, e mantenha sempre o contato com o mesmo. Assim, podemos evitar qualquer complicação.

Obs: Não precisa enfaixar o umbigo, e nem se deve fazer isto jamais! Nem fazer curativo em cima dele. Nada nada nada! Apenas realize este procedimento acima, e pronto! Apenas vista a fralda e a roupa! Nada de colocar moeda, fumo, e nem enfaixar viu!? Rssss

Continuando a história de como foi com o Daniel…

Comecei com a gaze como disse, mas, não caia quando já haviam se passado 3 semanas. Então logo que a outra pediatra ensinou a higienizar com o cotonete direitinho, como expliquei no passo a passo aqui acima, levantando a casca para passar o álcool embaixo (Não sabíamos que precisava! Ninguém nos explicou até então!) Dai por diante, fazendo corretamente (Ou a palavra ideal seria… COMPLETAMENTE. Fazia o processo incompleto), logo depois de 1 semana caiu.

Apesar de ter demorado 1 mês (No total) para cair o do Daniel, o umbigo dele ficou lindo! Rssss

Olhem só!

IMG_4057

Quando o coto caiu, o umbigo dele ficou estranho. Meio para fora, e parecia que ficaria assim. Me culpava tanto! E me culpava por não ter tomado tanto conhecimento do assunto antes, e pensar que o umbigo dele ficaria para fora… Me deixada aflita! Rsss

Mas depois de alguns meses, ele entrou! E ficou lindo!

Então mamães! Não se desesperem! Deem tempo ao tempo.

E se ficar para fora, não se culpem! Não tem problema nenhum nisto! Ele te amará do mesmo jeito, e você continuará a ser uma mãe maravilhosa, atenciosa… E a melhor que ele poderia ter!

E tenho a dizer ainda que… Umbigo para fora não é feio não! É completamente normal acontecer. Desencana! Faça seu melhor e pronto.

O que mais importa é a saúde e bem estar de vocês todos da sua família!

Não vamos brigar por isto, não vamos culpar a vovó que em alguns casos ajuda nesta etapa de limpeza, nem o marido, nem você mesma!

Vamos viver as fases com otimismo e muita alegria! O Momento pede! Aceitar o que tem que ser, e ser feliz! #NinguémtemCulpa

Cada um sabe o que passa, as dificuldades, e o modo como sobrevive a esta “Operação de Guerra”. Hahahaha Meu marido chamava esta fase complicada, que vai até os 3 meses do bebê, de “Operação de Guerra”. Vocês acreditam? E eu que não vou negar.

Mas deixo claro que o prazo para cair pode variar de bebê a bebê. Geralmente os médicos dizem 1 semana no máximo. Mas, comigo demorou 1 mês (No começo fazia de forma incompleta, estava indo bem, mas estava demorando muito porque não limpava abaixo da casca). Não se apegue em prazos! Apenas faça corretamente, e caso tenha dúvidas, mantenha contato com o pediatra. Mas claro que, caso passe algumas semanas assim como eu, e não caia, questione logo o médico para verificar o que você pode estar fazendo de errado. Como eu fiz! Não tenha vergonha, receio, e pergunte mesmo! Tudo dará certo! O ideal é que na primeira consulta com o pediatra após o parto, você já demonstre a ele como está fazendo a higiene, para que se necessário ele o corrija no ato! Assim, tudo se resolverá da melhor forma e mais rápido.

Disse tudo? Alguma dúvida? 

Me questionem aqui nos comentários! Assim, vou relembrando da experiência que vivi, e posso compartilhar com vocês.

Espero ter ajudado!

Gostaram?

Beijos,

Pri

COMENTE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s